Vincenzo Nibali vence a última Etapa e a Geral Final do Tour da Sicília 2021

PARTILHJE

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on email
Email

DETALHES


Vincenzo Nibali (Trek-Segafredo) desfez-se em lágrimas depois de vencer a etapa final do Giro di Sicília e arrebatar a vitória geral de Alejandro Valverde (Movistar).

Foto: Bettini Photo

O ciclista de 36 anos, natural de Messina, atacou na subida chave da etapa nas encostas do Monte Etna, a 22km do fim, e nunca mais olhou para trás.

Romain Bardet (Team DSM) e Valverde não conseguiram reduzir a diferença de 40 segundos até ao alto da subida de Sciara di Scorciavacca. Nibali conhecia muito bem a descida, até que acabou por ampliar a vantagem para 49 segundos até á meta.

Acenou para as multidões quando chegou à meta e desfez-se em lágrimas ao perceber que tinha vencido a corrida em casa, perto da sua cidade natal, Messina, e venceu a sua primeira corrida pela Trek-Segafredo depois de mais de dois anos sem uma vitória. Foi também a sua primeira vitória profissional na Sicília.

Simone Ravanelli (Androni Giocattoli) venceu o sprint para o segundo lugar, com Alessandro Covi (UAE Team Emirates) em terceiro. Nibali venceu a classificação geral por 46 segundos, batendo Valverde e Covi em terceiro na geral, a 49 segundos.

A etapa de 180km com Chris Froome (Israel Start-Up Nation) numa fuga com um pequeno grupo, chegaram a ter 1:30 de vantagem sobre o pelotão na portella Mandrazzi subindo nas encostas de Etna, mas acabaram por ser alcançados na subida final.

Foto: Bettini Photo

Nibali atacou sozinho e parecia incapaz de chegar a mais de cem metros dos seus rivais, mas depois voltou a acelerar e Valverde – ainda a recuperar depois de fraturar a clavícula na Vuelta a Espana – não conseguiu alcança-lo.

Nibali seguiu isolado até ao final, incapaz de conter as emoções ao vencer em casa.

“Cheguei emocionado porque esta é a minha primeira vitória na Sicília. Cresci a andar nestas estradas com o meu pai e os meus colegas de equipa, mas depois mudei-me para perseguir os meus sonhos quando era adolescente. Foi com grande agrado e emoção que voltei cá e ganhar foi brutal”, explicou Nibali.

“Tive muitos problemas físicos recentemente e por isso ganhar aqui não foi fácil. Mas ver a minha família e amigos torna tudo especial e difícil conter as minhas emoções. Conhecia bem as estradas, especialmente a descida final, foi um momento especial na minha carreira.

“Voltei a correr na Volta ao Luxemburgo depois de 20 dias de treinos na Sicília em agosto. Senti-me bem lá e por isso foi ainda melhor aqui. Agora vamos ver o que podemos fazer nas corridas italianas de um dia. Estou focado na I Lombardia, é uma corrida importante para mim.”

Foto: Bettini Photo

Top 10 da Etapa:

Pos. Atleta Nome (País) Equipa Result
1Vincenzo Nibali (Ita) Trek-Segafredo4:24:29
2Simone Ravanelli (Ita) Androni Giocattoli-Sidermec0:00:49
3Alessandro Covi (Ita) UAE Team Emirates
4Romain Bardet (Fra) Team DSM
5Jhonatan Restrepo Valencia (Col) Androni Giocattoli-Sidermec
6Alejandro Valverde (Spa) Movistar Team
7Simone Velasco (Ita) Gazprom-RusVelo
8Lorenzo Fortunato (Ita) Eolo-Kometa Cycling Team
9Thymen Arensman (Ned) Team DSM
10David de la Cruz (Spa) UAE Team Emirates

Top 10 da Geral Final:

Pos.Atleta Nome (País) EquipaResult
1Vincenzo Nibali (Ita) Trek-Segafredo18:09:50
2Alejandro Valverde (Spa) Movistar Team0:00:46
3Alessandro Covi (Ita) UAE Team Emirates0:00:49
4Jhonatan Restrepo Valencia (Col) Androni Giocattoli-Sidermec0:00:55
5Romain Bardet (Fra) Team DSM0:00:58
6Simone Velasco (Ita) Gazprom-RusVelo0:00:59
7Thymen Arensman (Ned) Team DSM
8Lorenzo Fortunato (Ita) Eolo-Kometa Cycling Team
9Niklas Eg (Den) Trek-Segafredo
10Simone Ravanelli (Ita) Androni Giocattoli-Sidermec0:01:03

Vídeo da Chegada: